terça-feira, 26 de outubro de 2010

VIDA- A teia alimentar da sociedade.

Diariamente as pessoas são bombardeadas com conselhos para que vivam intensamente, que os jovens devem aproveitar ao máximo as diversas situações cotidianas, tais afirmam que os idosos são os livros de história da humanidade e que a morte é a única certeza que os seres têm dessa passagem pela Terra. Assim, o que é a vida? Ou melhor, existe uma maneira correta de se viver? Perguntas sem respostas determinadas, mas com diversos caminhos a serem percorridos e variadas escolhas.


1º- Algumas doses de venenos não são letais- Verdades ditas na hora e da maneira correta podem doer, mas são melhores que as mentiras. Mascarar a realidade nunca foi a melhor solução para os problemas.


2º- O seu destino é você quem faz- Cada um é responsável pelas escolhas feitas. Assim, o que aconteceu fica no passado, mas algumas atitudes podem repercutir no futuro.


3º- Não planeje sempre as situações- A rotina tende a ser tediosa, o que faz com que o inesperado seja muito melhor. Que todas as pessoas possam desfrutar de uma dose diária de uma montanha russa de emoções para que cada momento seja único.


4º- Mudar de opinião não significa ser sem personalidade- As pessoas têm o direito de mudar de opinião após conhecer uma situação em sua totalidade. Sempre existem dois lados para um determinado fato.


5º- Falar “eu te amo” é algo sério- Se você não ama não diga apenas para agradar a outra pessoa, pois nunca é válido brincar com os sentimentos alheios.


6º- Gente comum cansa- Ser espontâneo é fundamental, mas tenha cuidado para não confundir o significado de espontaneidade com ser ridículo.


7º- Ser careta, em alguns pontos, é fundamental- Saber falar não na hora certa poder ser o diferencial. Saiba sempre reconhecer seus limites e tenha a consciência de que não se deve fazer alguma coisa apenas por estar na moda ou porque todos fazem. Se tiver vontade de fazer alguma coisa, mesmo sabendo que não é a melhor opção, tenha ao menos a coragem de assumir todos seus atos e as conseqüências desses.


8º- A madrugada sempre resultou em grandes façanhas-Quando tá escuro/ E ninguém te ouve/ Quando chega a noite/ E você pode chorar” parte da música Lanterna dos Afogados de Os Paralamas do Sucesso que remete a idéia deste item. Ou seja, basicamente durante a madrugada todos os nossos fantasmas são aflorados, o que faz com que as idéias mais absurdas sejam pensadas, as atitudes sejam tomadas por uma coragem antes inexistente e as grandes façanhas realizadas.


9º- Tenha sempre suas teorias- Elabore e defenda suas teorias, ou seja, o seu ponto de vista perante as coisas, em que caso seja necessário, compre uma briga para demonstrá-lo, porém saiba reconhecer quando estiver errado. Saber reconhecer o erro e se desculpar por esse é uma grande virtude que poucos homens têm.


10º- O segredo é não correr atrás das borboletas- As pessoas não devem “correr atrás” das outras, ou seja, mendigar por amor, mas sim conquistá-las diariamente. Ou seja, se as pessoas forem cativadas não terá a menor importância quanto tempo passe ou à distância, um carinho especial existirá entre essas.


11º- Respeito sempre- Não interessa o tamanho da raiva, nenhuma situação permite que tratemos outra pessoa sem respeito. Pense e respire fundo quando uma pessoa lhe atirar uma pedra para poder retribuir com uma rosa. Dinheiro qualquer um tem a capacidade de conseguir, mas “berço vem de casa” e é para poucos.


12º- O sorriso pode ser a máscara da lágrima oculta- Não são todas as pessoas que precisam ter conhecimento a respeito do que acontece em sua vida particular. Assim, por mais que a vontade predominante seja a de chorar, ao sair de casa deve-se transparecer aos outros que é a pessoa mais feliz que existe no mundo. “O que eu ganho, o que eu perco/ Ninguém precisa saber”.


13º- O silêncio, às vezes, resolve mais que mil palavras- Em momentos de raiva, manter a boca calada pode ser a melhor situação, pois as pessoas tendem a falar coisas que, geralmente, se arrependerão posteriormente. É uma ótima maneira de evitar futuras dores de cabeça.


14º- Às vezes é melhor esquecer- Quando uma roupa não serve mais, uma idéia não parece tão perfeita e um grande amor já não lhe faz tão bem, a melhor alternativa é “esquecer”. Mas pense bem, que esse esquecer seja entre aspas, pois todas as situações vivenciadas contribuíram para a formação do que a pessoa é no presente, portanto o que deveria ser usado é a prática do desapego de coisas que fizeram bem, mas que não fazem mais e a luta por aquilo que preenchem as lacunas vazias dos seres.


15º- Bom humor e inteligência são afrodisíacos- Pensa em uma pessoa que conversa a respeito dos mais variados assuntos e ainda tem a capacidade de fazer a outra rir. Basicamente é isso, um afrodisíaco mais que natural que surte efeitos sem prazo de validade.


16º- Seu jeito, sua característica, seu estilo, você- Jamais tente ser uma pessoa que você não é. Ou seja, os outros devem gostar de quem a pessoa realmente é, com todas as qualidades e, principalmente, os defeitos. Porque, basicamente, ninguém consegue viver um personagem vinte e quatro horas por dia.


17º- Destile sempre emoções- Se a pessoa é daquele tipo que sorri vinte e quatro horas por dia é porque algo está errado. Assim, destile as verdadeiras emoções, em que chore, grite, sorria, gargalhe, fique muito nervoso e com o rosto com aparência de lerdo. Não importa o que seja, pois um sentimento sincero tem a grande capacidade de fascinar as outras pessoas com enorme facilidade.


18º- O novo só é novo no primeiro momento- As pessoas tentem a fugir das situações com a alegação de que cansaram de freqüentar sempre os mesmos lugares ou verem as mesmas pessoas. Entretanto, em qualquer parte do mundo, o novo só é novo ao primeiro encontro, ou seja, um lugar só apresentará novidades na primeira vez que a pessoa o freqüentar, depois será apenas mais uma situação inclusa na rotina, por exemplo.


19º- Não seja louco, seja feliz- Isto se aplica a todos que são chamados de loucos por causa de determinadas atitudes. Caso as ações sejam feitas com responsabilidade, não são sinônimos de loucura, mas sim de felicidade.


20º- Sentir medo é fundamental- O medo é bom para forçar as pessoas a superarem os seus limites. Uma dose de adrenalina, sentir o sangue correr nas veias é fundamental para lembrar o quanto é bom estar vivo. Agradeça sempre por isso.


21º- Relacionamentos acabam, mas os amores não- Não é porque um relacionamento não deu certo que as pessoas não devem manter contato. Verdadeiros amores superam a distância e o tempo, perdoam e superam. Verdadeiros amores existem entre os familiares, os amigos especiais e os animais companheiros, por exemplo, basta saber procurar, enxergar quando os encontrarem e a pessoa ter capacidade para cultivá-los.


22º- Olhar tudo e dizer “valeu à pena”- Viva intensamente e aproveite tudo o que a vida tem a lhe oferecer. Saiba ver um lado positivo nas piores situações e reconhecer o valor daquelas que foram fundamentais. Apaixone-se diariamente, ria muito, chore quando necessário (não tema isso), dê um beijo de bom dia, ligue para uma pessoa de madrugada apenas para ouvir a sua voz e falar o quanto ela é especial. Viva como se todos os dias fossem o último, não deixe passar as oportunidades diárias e jamais tema a felicidade.


(Mariana Tannous Dias Batista).




Como já disse o grande poeta Raul Seixas...
Não sei onde eu to indo/ Mas sei que eu to no meu caminho”
(Mariana Tannous Dias Batista)

Um comentário:

Nilson Barcelli disse...

Mariana, vc não vai continuar a publicar?
Pena... gostava tanto de a ler...
Tudo de bom para vc.
Beijos.
PS: continuas muito bonita.